6

Entenda melhor a dor de ouvido!

37 Flares Facebook 37 Twitter 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 37 Flares ×

Olá pessoal!!!

Todo mundo em algum momento da vida teve ou conhece alguém que já teve infecção no ouvido. E esse ainda é um tema cheio de mitos e verdades!!!!

A otite média, como é chamada a infecção que acomete a parte média da orelha, pode ser causa por bactérias ou vírus, durante ou logo após uma gripe/resfriado, infecções na garganta ou respiratórias, acúmulo de água no ouvido. E nos fofuxos ela é ainda mais comum do que nos adultos!!!

A infecção causa dor de ouvido, febre, falta de apetite, secreção local e, nos mais grandinhos, percebemos a diminuição da audição. O diagnóstico deve ser feito por um médico, baseado nos sintomas e no exame do ouvido, que vai indicar o tratamento adequado.

Ahhhhh…entramos numa questão extremamente importante, o tratamento!!!!

Ainda hoje o tratamento é rodeado de receitinhas caseiras, que nossas avós, tias, vizinhas…ensinavam e foram passadas para as gerações seguintes.

ATENÇÃO!!! O ouvido é extremamente sensível e não deve ser colocado nada, digo NADA mesmo, dentro dele. Nem azeite com alho, azeite morno…e entre outras coisinhas!

Essas receitinhas tem uma origem na verdade, mas que foram elaboradas de forma errada! O alho possui sim ação como antibiótico natural, mas esse deve ingerido para que tenha ação no organismo como um todo e não uma ação local. Já a questão do azeite morno, vem do fundamento que o calor local alivia a dor, sim é verdade, mas essa deve ser feita utilizando-se uma compressa morna colocada na parte externa da orelha.

images (2)

Muito cuidado!! A introdução de qualquer substância ou objeto no ouvido pode causar danos irreversíveis à audição! Procure sempre atendimento médico!!!

Algumas medidas podem ser adotadas para a prevenção da otite:

  • Limpe com frequências as secreções nasais provocadas pela gripe/resfriados, essas podem acumular no ouvido. Atenção especial com os pequeninos, que não sabem assoar o nariz;
  • Proteja o ouvido da entrada de água quando mergulha ou nada;
  • Agasalhe bem a região da cabeça, contra o vento, ainda mais nesta época do ano;
  • Não utilize hastes flexíveis para a retirada de cera do ouvido, além de causarem danos, podendo perfurar o tímpano, a cera funciona como proteção do ouvido;
  • Não amamente o bebê/criança deitado. A garganta e ouvido possuem um tubo de ligação e, nesta posição, pode escorrer líquido para o ouvido, já que nos menores este tubo é bem horizontal.

Quaisquer dúvidas, escrevam…terei maior prazer em responder!!!

Até logo…

Abraços,

Sheila

6 Comentários

  1. Bom dia.

    Eu fui uma pessoa em que a mãe e a vó falavam para colocar azeite morno quando tinha dor de ouvido. E sim, melhorava e muito na hora, mas justamente como você comentou, é porque era morno. Até que chegou um dia que tive uma infecção séria nos dois ouvidos. Minha mãe levou “bronca” do médico e nunca mais, pelo menos no meu ouvido, foi colocado o azeite. Agora não sei se minha mãe aprendeu a lição e não está fazendo isso com os netos kkk

    • Olá Taynara,
      Infelizmente isso acontece com muitas pessoas, o importante é que tenhamos informação para que isso não continue acontecendo. O pior de tudo isso é que as pessoas tendem a aprender da pior forma, com a dor.
      Grande abraço!

  2. Oi Sheila
    Muito bom o post!!
    Bem explicativo!
    Já ouvi falar dessas receitinhas caseira absurdas….

    Super beijo <3

  3. Oiee Sheila, !!! Adorei as dicas do post! Infelizmente por ter cuidado errado quando eu era novinha eu tenho uma inflamação cronica no meu ouvido!! Informação nunca é demais!!! Bjao

  4. Olá Natália,
    Infelizmente, muitas vezes as consequências são irreversíveis.
    Grande abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *